Mostrar mais

Neonazismo, tute triste e revoltado 

No começo do dia eu vi o vídeo do Meteoro sobre o crescimento do Neonazismo no Brasil. No fim do vídeo estava quase chorando, pensando que esses merdas podem fazer com que eu tenha que deixar de ser eu pra continuar sobrevivendo.

Horas depois eu agora estou querendo queimar o mundo, especialmente os avarentos, intolerantes e oportunistas. Nessas horas que a frase cômica do Chaves começa a ter um sentido real: Eu realmente prefiro morrer a perder minha vida.

Às vezes eu fico meio preocupado com a minha irmã mais nova. Ela fica respondendo os vídeos do tiktok enquanto vê, um negócio totalmente parasocial.
Sei que a quarentena é difícil de lidar, mas não sei se é saudável deixar ela assim, ou o que fazer. :blob_pensive:

Aliás ontem quase não consegui dormir porque a letra ficou na minha cabeça. :blobcatumm:

Mostrar conversa

Vontade aleatória de ouvir A Lua Me Traiu agora

Estudando física na escola: Desinteressado, copiando e mexendo no celular escondido durante os exercícios.

Estudando física pro vestibular depois de terminar a escola:
Desinteressado, anotando e mexendo no celular durante os exercícios.

Algumas coisas nunca mudam :blob_grinning_sweat: :blob_cry:

E parabéns pra mim que passei vergonha no :deadbirb: . É uma boa lição pra aprender a não zoar com assunto que não conheço direito. :thinkhappy:

Auto-reflexão, tute meio longo 

Sinto que estou me tornando uma pessoa diferente. Depois de tanto tempo, parece que finalmente consigo ver o amadurecimento do que passei nesses últimos tempos.

Estou me sentindo mais confiante, e com coragem pra tentar coisas que nunca me atreveria antes. Espero conseguir viver esse meu novo jeito por inteiro logo.

"Que sono, acho que vou dormir cedo hoje."

Duas horas depois: * fica procurando música folk triste pensando no ex *

Espero conseguir ser produtivo essa semana. Olhar pros dias passado e só me lembrar do tempo que procrastinei é meio triste

Eu não sei como começar, então talvez seja bom com uma .

Bem, pode me chamar de Stul, gosto de joguinhos independentes, músicas geralmente desconhecidas e velhas e acho que sou meio velho pra muita coisa de jovem (tipo tiktok).

No geral sou branco, demi/bissexual, e ando questionando meu gênero, mas ainda sem muito progresso. Penso em usar elu como pronome, mas não me importo de me referirem como ele.

Acho que por agora é isso, espero gostar daqui. :blobcatboo:

Colorid.es

Uma instância com foco em pessoas queer/LGBTQIAPN+ que falam português. Saiba mais aqui!

Qualquer pessoa pode criar uma conta, independentemente de orientação, gênero, relação do gênero atribuído ao nascimento com identidade de gênero ou corporalidade. Só não se esqueça de ler nossas regras!

Hi there, English speakers! You can see information regarding this instance by clicking here!