:brilho2demissexual: refletiu

:placaAropulso: Aropulso: Alguém que em geral não sente atração romântica, mas de vez em quando experiencia "pulsos" dela sendo bem forte, só para depois voltar a não sentir atração romântica.

:brilho2demissexual: refletiu

Ícula: Alguém que não sente atração, mas que está aberte a se envolver em atos associados com tal atração. 

Por exemplo, uma pessoa iculassexual não sente atração sexual mas ainda estaria aberta a participar de atos sexuais.

Esta orientação difere de cupio porque estar aberte a algo é diferente de ativamente querer algo.

:brilho2demissexual: refletiu

Nexu: Uma orientação para pessoas que não sentem atração, mas que possuem um forte desejo pela conexão emocional envolvida em ter atração por conta de neurodivergência, de forma que tais pessoas não têm certeza se existe atração ou só um forte desejo de que certas pessoas estejam em suas vidas. 

Isto pode resultar em pessoas acabarem "se conectando" com personagens de ficção e/ou celebridades com frequência, por não terem que ter relacionamento com tais personagens/pessoas.

Esta orientação é restrita a pessoas neurodivergentes que são arromânticas e/ou assexuais.

:brilho2demissexual: refletiu

Ato / Atho: Alguém que sente atração com pouca frequência, e que também não tem qualquer vontade de "ir atrás" de fazer qualquer coisa com sua atração.

:brilho2demissexual: refletiu

Explos/Bursti/Burst: Uma orientação para pessoas que sentem algum tipo de atração em uma "explosão" súbita, que depois vai embora subitamente ou aos poucos.

Similar a acepulso, aropulso e afins.

:brilho2demissexual: refletiu

Cogitari: Alguém que só sente atração no próprio pensamento.

Por exemplo, uma pessoa cogitarissexual consegue se imaginar sentindo atração sexual e tendo relações sexuais com pessoas pelas quais sente atração sexual, mas não consegue sentir atração sexual por ninguém na vida real.

:brilho2demissexual: refletiu

Dwin: Alguém que sente atração de forma relativamente forte/frequente pela maior parte do tempo, mas após algum tipo de experiência, começo de relacionamento e/ou outro tipo de atração que deixa a pessoa mais próxima de quem sente atração, a pessoa para de sentir atração imediatamente, ou a atração começa a ir embora lentamente.

Não é bem explicado se essa atração vai embora em relação a pessoas próximas ou em relação a todo mundo; uma parte da descrição original aponta que dwin é pra ser "o contrário de demi", outra diz que após certa proximidade uma pessoa dwin fica completamente sem atração.

:brilho2demissexual: refletiu

Espero que pessoas gênero-neblina estejam lidando bem com tempos difíceis.

link pro YouTube, Big Brother Brasil (menciona um pouco de misoginia e racismo, mas não muito) 

Analisando o BBB e suas contradições ao longo do tempo - ​ - Papo de Preta
youtube.com/watch?v=UMPAEJt5DG

Como alguém que nunca acompanhou nenhuma edição, achei interessante saber quais foram as estratégias usadas pra manter o interesse de alguma audiência no programa.

:brilho2demissexual: refletiu

:placaAroqueer: Aroqueer: Uma identidade para qualquer ume no espectro arromântico cuja identidade arromântica é a parte de sua orientação mais proeminente ou mais entendida de sua orientação. 

O "resto" da orientação de uma pessoa aroqueer não pode ou não será definida mais especificamente do que "queer".

Aroqueer não é só ser aro e queer, já que o aspecto arromântico é um fator/uma parte do aspecto queer; as duas coisas são inseparáveis.

Aroqueer é tanto para quem não consegue definir a própria orientação além de aro e queer quanto para quem consegue definir mais de sua orientação mas se recusa a fazer isso.

Eu acho meio chato que quase tudo o que eu tentei fazer pra semana da conscientização do espectro arromântico acabou sendo mesclado com questões assexuais (as páginas de orientação também servem pra orientações ace, queerspectivas acabou tendo bastante dissertações sobre assuntos ace), mas ao menos eu postei uns termos explicitamente arromânticos na conta de termos :x

:brilho2demissexual: refletiu

Pedido de ajuda com tradução: genderkenon 

(depois eu vejo o que prefiro usar)

Genderkenon: a gender related to the concept of voids that isn’t inherently agender/gendervoid/genderless

(um gênero relacionado ao conceito de vácuos que não é não é inerentemente agênero/gênero-vácuo/sem gênero)

A questão é: kenon significa (ou é pra significar) vácuo. Gênero-vácuo já é tradução de gendervoid.

Estas são as ideias que tenho, sintam-se livres para sugerir outras:

eu odeio muito tudo isso btw (não a página, a página tá ok, e sim a confusão toda pela qual esse rótulo passou)

Mostrar conversa

sobre orientações e identidades de gênero influenciadas por fatores externos 

Além disso, os rótulos específicos para quem sente que sua identidade de gênero e/ou sua orientação tem a ver com neurodivergência, trauma, raça, orientação, cisdissidência, intersexualidade, alterumanidade e afins indicam justamente que o resto das pessoas provavelmente não possui justificativa para ter tal experiência.

Quem não sente que suas experiências são influenciadas por nada pode só não usar tais rótulos.

Quem usa um rótulo desses por sentir que suas experiências são influenciadas por algo ruim que pode ser tratado ou curado pode querer mudar de rótulo quando e se isso acontecer.

Nenhum rótulo de orientação ou identidade de gênero é um sinal de que todo mundo tem uma identidade facilmente moldável, porque eles são para indivíduos e comunidades descreverem suas experiências, não pra serem aplicados sem consentimento a outras pessoas que não os querem.

Mostrar conversa

sobre orientações e identidades de gênero influenciadas por fatores externos 

Existem várias pessoas arromânticas, assexuais e agênero, e algumas delas dizem não sentir ter gênero por não sentirem atração.

O que algumas dessas pessoas explicam é que a sociedade muitas vezes associa gênero com atração: pessoas binárias hétero são vistas como "mais do seu gênero", e até comunidades sáficas ou aquileanas acabam colocando ênfase em uma conexão entre pessoas do próprio gênero.

Assim, não sentir atração por ninguém pode acabar colocando gênero como algo que não é importante ou presente na vida dessas pessoas agênero.

Eu tenho um gênero forte e constante e uma atração infrequente. Não vejo uma coisa como compensação por outra e nem como coisas conectadas umas às outras.

Mas isso não significa que as experiências dessas outras pessoas não são reais, ou que pessoas que não sentem atração mas possuem gênero e/ou que não possuem gênero mas que sentem atração estão mentindo ou enganadas.

Nem todo mundo pode apontar uma causa para sua identidade de gênero ou orientação. Portanto, não é possível "prevenir contra" alguém ter certa experiência evitando a outra experiência.

Quem sente que há uma causa para sua orientação ou identidade de gênero não precisa estar universalmente errade ou ser censurade para que o resto da comunidade seja validada ou levada a sério.

:brilho2demissexual: refletiu

Pix: Uma pessoa que se sente atraída exclusivamente por uma ou por pouquíssimas pessoas, sem atração por outras.

Termo cunhado por @seapvnk@tumblr.com ou @_seapunk_@twitter.com.

Similar a oligo, mas inclui explicitamente a possibilidade da pessoa só ter sentido atração por uma pessoa.

:brilho2demissexual: refletiu

:placa_fray: Fray/Ignota: Alguém que só sente atração por pessoas que não são próximas. Este termo foi cunhado para ser o "oposto" de demi.

Mostrar mais antigos
Colorid.es

Uma instância com foco em pessoas queer/LGBTQIAPN+ que falam português. Saiba mais em sobre.colorid.es!

Qualquer pessoa pode criar uma conta, independentemente de orientação, gênero, relação do gênero atribuído ao nascimento com identidade de gênero ou corporalidade. Só não se esqueça de ler nossas regras!

Hi there, English speakers! You can see information regarding this instance by clicking here!