Acompanhar

meta de instâncias lusófonas e discriminação 

Acho ótimo ver instâncias novas se posicionando contra exorsexismo, capacitismo, transmisia, racismo, etc. Um dos motivos pelos quais uso poucos espaços online é o quão mal moderados eles são em relação a estas coisas.

Agora, eu me pergunto o quanto o pessoal sabe sobre essas questões. Especialmente quem resolveu copiar as regras de outra instância.

Por exemplo:

- Se alguém chegar na instância e colocar no perfil que usa a/ale/e, a administração vai saber ao que isso se refere, ou vai maldenominar a pessoa com base na foto ou no nome?

- Se uma pessoa chegar querendo usar nomes de grupos raciais dos quais não faz parte para si (muitos dos quais ofensivos), vai haver alguma ação da moderação, ou só se a pessoa fizer algo mais abertamente racista?

- Se alguém viver usando palavras estigmatizadas capacitistas (ex.: idiota, imbecil, retardade) e julgando a "inteligência"/"sanidade" alheia ("quem faz/pensa tal coisa é doente/burre/delirante/psicopata"), vai haver alguma ação da moderação, ou vão considerar que isso é um comportamento "normal demais" pra tomar providências contra?

- Se uma pessoa não-binária falar que certo segmento da não-binaridade não existe ou é coisa de troll/de criança (ex.: homens ou mulheres NB, pessoas xenogênero, pessoas de xenogêneros específicos como gênero-fofo ou gênero-astral), vão haver providências tomadas? Sequer há alguém cisdissidente na equipe ou próxime dela que possa defender o outro lado caso a pessoa levante a bandeira do local de fala?

- E se alguém começar a fazer elogios discriminatórios, como a questão de ter tara por algum grupo marginalizado?

Isso não é uma propaganda ou uma acusação. É uma questão de apontar que montar uma comunidade inclusiva vai além do conhecimento técnico de montar uma instância e de prometer banir extremistas.

Coisas que podem parecer frescura pra quem tá de fora são fundamentais para que certas pessoas mais vulneráveis tenham uma experiência boa na comunidade na qual resolveram entrar.

Entre para participar dessa conversa
Colorid.es

Uma instância com moderação ativa e foco em pessoas queer/LGBTQIAPN+ que falam português. Saiba mais em sobre.colorid.es!

Qualquer pessoa pode criar uma conta, independentemente de orientação, gênero, relação do gênero atribuído ao nascimento com identidade de gênero ou corporalidade. Só não se esqueça de ler nossas regras!

Hi there, English speakers! You can see information regarding this instance by clicking here!