Brilho destacado

Eu tenho um Padrim! (+ outras informações sobre doações) / toot longo 

Estou longe de estar em qualquer tipo de crise financeira, mas não ganho meu próprio dinheiro e acho que meu trabalho como alguém que ensina sobre identidades queer e mantém comunidades para pessoas queer ajuda mais gente do que se eu for fazer algo que só vai ajudar a mim e a pessoa que me contrata.

Também aprecio se alguém quiser ajudar por causa dos custos do servidor, ou porque algo que escrevi ou moderei/administrei te ajudou com tua identidade, etc.

De qualquer forma, quero ressaltar que ninguém precisa se sentir pressionade a me dar dinheiro nem nada, mesmo que :colorides:/:orientando:/os gráficos e temas que faço/etc. sejam super importantes pra você.

Enfim, aqui está meu Padrim:
padrim.com.br/aster/

Padrim é mais legal por conta das postagens exclusivas pra quem apoia, mas também é possível me mandar dinheiro por:

Liberapay - liberapay.com/asterisco

Ko-fi - ko-fi.com/asterisco

Brilho destacado

Introdução nova (toot longo) 

Sou Aster, administradore de colorid.es e do site orientando.org. Também ajudo com ajudanhincq.wordpress.com.

Adoro coisas sobre identidades /LGBTQIAPN+, e, por isso, sei bastante sobre rótulos relacionados a gêneros e orientações. Sinta-se livre para pedir ajuda com isso!

Eu fiz alguns bots de positividade (@Positividade e @PosiBot), sinta-se livre para seguir e para me dar ideias de outras identidades.

Também já fiz alguns temas para o Mastodon, e muitos emojis, especialmente de orgulho! Sinta-se livre para copiá-los para sua instância. Aqui estão alguns: :estrelaDemissexual2: :s2_xenogenero: :flor_gq: :s2pixArcoIris: :pixela_arofluxo: :QueerInvader: :eu: :eu_s2: :chimarrao:

Também tenho algumas coisas disponíveis em starrypride.neocities.org.

Brilho destacado

Algumas coisas sobre interação, toot longo :BoostNo: 

• Por favor, não leve para o lado pessoal se eu não aceitar que você me siga em outras contas.

Esta conta é um pouco mais pública por eu ser admin, então em geral não forço pessoas a parar de me seguir aqui, mas eu tenho muito a duvidar de suas intenções se eu não te conheço, o conteúdo de sua conta não tem nada a ver com o que eu posto em outras instâncias e/ou parece que você só está seguindo um monte de gente sem ligar pro conteúdo;

• Por favor, não leve para o lado pessoal se eu não seguir de volta.

Os motivos para isso frequentemente têm a ver com o que foi colocado acima e com o que está abaixo.

• Por favor, não leve para o lado pessoal se eu parar de te seguir.

Tem vezes que isso vai acontecer por você estar postando demais pro meu gosto.

Tem vezes que vai ser por conta de avisos de conteúdo não sendo utilizados em coisas que eu gostaria de ter uma preparação mental antes de ver.

Tem vezes que vai ser por conta de eu estar em um dia ruim e não querer ver postagens que me lembram de situações de chacota/bullying/maldenominação que já sofri.

Nenhuma dessas coisas significa que você deveria mudar o jeito que posta; só significa que não é pra mim, ou que eu tive o azar de não ser pra mim em algum momento.

Algumas vezes isso acontece por vocabulário e/ou retórica problemátique; eu já vi e experienciei muitas vezes onde conversar não deu certo, então não vou tentar mais a não ser que eu tenha bastante contato com a pessoa, e acho que parar de seguir é menos estressante para ambas as partes.

(A não ser que seja na minha instância, porque aí vamos ter que conversar/deletar a postagem/avisar/etc.)

Acho que todas as pessoas merecem ter espaço para crescer e aprender, e não apoio fazer um espetáculo em cima de alguma pessoa aleatória por conta disso. Então é até possível eu falar sobre isso sem referenciar a pessoa ou a postagem específica, para tentar fazer um grupo maior de pessoas entender que algo é errado e/ou me incomoda.

• Em qualquer um desses casos, eu não vou me ofender se você quiser me perguntar coisas ou interagir com minhas postagens.

Brilho destacado

Recursos de neolinguagem 

Para que procuram saber mais sobre , aqui estão links de... tudo, desde explicações até exemplos até exercícios até conceitos relacionados:

Linguagem:
orientando.org/forum/t/linguag

Conjuntos de linguagem (pdf)
orientando.org/wp-content/uplo

Qual é a sua linguagem? (pdf)
orientando.org/wp-content/uplo

Tipos de linguagem (ainda que esteja mais para exemplos de artigos/pronomes/finais de palavra:
orientando.org/listas/tipos-de

Testador de conjuntos:
orientando.org/conjuntos/

Exercícios:
orientando.org/forum/t/exercic

Gerador:
orteil.dashnet.org/randomgen/?

Em defesa de uma multiplicidade de pronomes:
medium.com/@ttextos/em-defesa-

Como criar um pronome?
medium.com/@ttextos/como-criar

Linguagem não-binária ou neutra
pt-br.identidades.wikia.com/wi

Não-conformidade de linguagem (ou "o que significa NCL?")
umgarotoalternativo.blogspot.c

Expansão do sistema artigo/pronome/final de palavra:
orientando.org/forum/t/expansa

meta de aviso de conteúdo, postagem longa 

Mais de uma vez eu já vi propostas de ter como colocar avisos de conteúdo em postagens alheias de alguma forma, citando ótimos motivos para fazer isso (poder se adequar a avisos que pessoas de certos círculos precisem e poder ampliar a visibilidade de postagens sem "roubar compartilhamentos", por exemplo).

Eu acho que isso não seria uma ideia tão boa, por três motivos:

1. Conflito sobre algo merecer tal aviso de conteúdo específico. Por exemplo, alguém usa uma palavra estigmatizada ou algum termo com conotação discriminatória, outra pessoa compartilha com um aviso sobre a linguagem ser diadista/capacitista/transmísica/etc., e a pessoa que postou aquilo inicialmente se sente atacada pelo aviso ser "nada a ver".

Por exemplo, talvez a pessoa use uma palavra como transex pra se definir e não quer que a palavra seja colocada como nociva, mas outra pessoa veja como linguagem cissexista. Ou talvez a pessoa esteja usando uma palavra como hermafrodita, mas está usando para descrever seres que realmente possuem dois conjuntos de sistemas reprodutores, e portanto sinta que não é apropriado dizer que linguagem diadista está sendo usada. Ou ainda, a pessoa pode ter usado -fobia como sufixo para discriminação e não vê isso como capacitismo pelo "contexto ser diferente".

2. Imposição de avisos em experiências alheias. Algumas vezes, já houveram conflitos que partiram de pessoas brancas pedirem para que pessoas racializadas colocassem avisos de conteúdo em suas experiências com racismo. Há o risco não só disso acontecer, mas acontecer com qualquer outra questão vista como "controversa ou política demais".

3. Indiretas podem ser mandadas através da função. Óbvio que compartilhar a postagem de alguém adicionando um aviso como "que postagem ruim hein" pode ser algo que dê em ações da moderação, mas podem ter exemplos menos óbvios acontecendo.

Eu acho que uma solução mais ideal seria poder propor avisos que poderiam ser implementados na postagem (e que só seriam vistos por quem fez a postagem até que a pessoa o aprove, e ao aprovar o aviso vai servir para todas as versões da postagem), porque eu acho que isso não daria em muito mais abuso do que mandar resposta/mensagem privada pra pessoa, e seria mais prático. Mas nem sei se alguém teria o trabalho de implementar algo assim, né.

:s2pixXenogenero: refletiu

Estaremos fazendo uma migração nos dados do servidor que pode durar algumas horas.
Imagens, vídeos e arquivos de áudio podem ficar indisponíveis durante a migração.

:s2pixXenogenero: refletiu

Desde a versão v2.9 o Mastodon tem duas interfaces diferentes: Uma com várias colunas, mais parecida com o TweetDeck e outra com uma coluna só, mais parecida com a interface mobile do twitter.

Você pode trocar entre as duas indo nas preferências e mudando a opção "Habilitar interface web avançada"

#FAQ #ajuda #mastoDicas #askElefantinho

:s2pixXenogenero: refletiu

LGBT rights in Poland, police brutality 

If you wanna help, Kampania Przeciwko Homofobii is, I think, a good start. Here's their donation page:

wspieraj.kph.org.pl

(site's in PL, but: "Wspieram" is the button to donate, the header "Wsparcie ogólne" means "general support".)

(no, I'm not affiliated with KPH)

Mostrar conversa
:s2pixXenogenero: refletiu

LGBT rights in Poland, police brutality 

There are reports of people being brutally beaten up by the police. This is clearly a shameless attempt at intimidation.

LGBT rights in Poland were never that great, but this is on an entirely different level. I have no reason to believe things will not escalate further. The right-wing government wants to score points with the more extreme parts of its electorate, and is using police as a cudgel.

Poland is simply not safe for LGBT ppl at the moment.

Mostrar conversa
:s2pixXenogenero: refletiu

LGBT rights in Poland, police brutality 

Please fucking boost this as far as possible. Please, PLEASE.

A Polish trans activist named Margot was arrested. Her "crime" is minor destruction of property (she cut up a tarp on a truck covered with vicious anti-LGBT propaganda).

Her pre-emptive arrest for two months was authorized by a court, despite the fact that such arrest, by Polish law, are meant to be used for people who are a flight risk or an immediate danger to others.

But wait, there's more.

:s2pixXenogenero: refletiu

Uma pequena adição: Quando a gente diz que mensagens diretas são visíveis pra admins, não quer dizer que o Mastodon deixe essa informação facilmente vísivel.

A moderação/administração não pode ver as mensagens a partir do mastodon, mas o administrador da instância (que tem acesso ao banco de dados) poderia olhar o conteúdo das mensagens diretamente no banco de dados.

Mostrar conversa
:s2pixXenogenero: refletiu
:s2pixXenogenero: refletiu

[Feature request] Option to replace filtered toots with placeholder that allows unhiding
github.com/tootsuite/mastodon/

Apparently the Glitch-soc fork has a feature where you can effectively add CWs to other people's posts using filters, which sounds great??

(At the moment on vanilla Mastodon it's either the toot gets omitted entirely or it's replaced with a "Filtered" placeholder that can't be removed except by deleting the filter.)

If you like this idea, boost and/or click through to add your 👍!

:s2pixXenogenero: refletiu

Hashtags não são marcadas no aviso de conteúdo! 😱

Às vezes a gente querer fazer o trabalho de uma vez e já postar as hashtags direto no aviso de conteúdo, mas hashtags só são adicionadas se estiverem no corpo do toot. As que estão no aviso de conteúdo são ignoradas!

Lembre disso quando estiver escrevendo seu toot 😉

#FAQ #ajuda #mastoDicas #askElefantinho

:s2pixXenogenero: refletiu
:s2pixXenogenero: refletiu

Espero que travestis bi continuem seguindo fortes!

:s2pixXenogenero: refletiu

@sarahrubia Tem um que chama mitologia dos orixás, do Reginaldo Prandi; Apesar de não fazer essa diferenciação que tu pede, e focar no candomblé (dado que as histórias que ele bota no livro são as mais antigas que conseguiu coletar), vale muito a pena, as histórias são incríveis. Esse autor tem um artigo tbm (me recomendaram mas ainda não li: Referências sociais das religiões afro-brasileiras: sincretismo, branqueamento, africanização). Ñ consegui me controlaar :ablobcatbongo:

:s2pixXenogenero: refletiu

@sarahrubia podcast Benzina possui alguns episódios sobre o tema.
Tem também o ep. 043 do TeoLabCast sobre Umbanda

:s2pixXenogenero: refletiu

@sarahrubia incrível! É o que a colega falou por aqui, o melhor lugar pra aprender é o terreiro mesmo, mas fique a vontade pra me chamar pra trocar ideia quando quiser!

Vou deixar aqui também o link pra minha poesia "Pequena oferenda" que é uma reza aos orixás, porque por mais que eu tenha estudado pouco, sinto muito (é um constante aprendizado também e passa por aí).

wattpad.com/762605307-etc-tal-

:s2pixXenogenero: refletiu
:s2pixXenogenero: refletiu

#procuro recomendação de material sobre umbanda e candomblé, nível iniciante.

tão iniciante que me explique as diferenças entre os dois.

eu vi alguém no :twitter: recomendar vídeos do Alan Barbieri, mas não sei se é uma boa porta de entrada.

:s2pixXenogenero: refletiu

Está aberto o financiamento coletivo do lançamento da revista Mina de HQ: histórias em quadrinhos feitas por mulheres e pessoas não-binárias.

Essa é a primeira edição impressa, e é uma edição comemorativa, pois em 2020 a Mina faz cinco anos de existência e resistência.

🔗 Financiamento coletivo: catarse.me/revistaminadehq

Acompanhe os projetos nas redes sociais:

🔗 facebook.com/minadehq/

🔗 instagram.com/minadehq/

🔗 Site oficial: minadehq.com.br/

Eu penso que queria ter busca de toots em colorid.es, mas sempre que penso no quanto a mais teria que pagar o servidor pra colocar algo tão pesado eu fico :blobsweats:

:s2pixXenogenero: refletiu
Mostrar mais
Colorid.es

Uma instância com foco em pessoas queer/LGBTQIAPN+ que falam português. Saiba mais aqui!

Qualquer pessoa pode criar uma conta, independentemente de orientação, gênero, relação do gênero atribuído ao nascimento com identidade de gênero ou corporalidade. Só não se esqueça de ler nossas regras!

Hi there, English speakers! You can see information regarding this instance by clicking here!